Blog

 

Diogo Santos

Por Diogo Santos, Engenheiro Top Componentes

Entenda a importância da lubrificação de acoplamentos de grade e de engrenagem

Engenheiro Top Componentes

Os acoplamentos são componentes essenciais do maquinário de uma indústria. Eles são responsáveis pela conexão e transmissão mecânica em acionamentos de equipamentos.

Seu correto funcionamento é essencial para manter a cadeia produtiva e desempenham uma função importante para a disponibilidade do equipamento.

A lubrificação de acoplamentos é parte importante desse processo e não deve ser negligenciada. É necessária para a boa operação do acoplamento e do maquinário como um todo.

 

Veja os benefícios de uma perfeita lubrificação

Um acoplamento devidamente lubrificado e em perfeito funcionamento auxilia na:

  • Aumento da vida útil do acoplamento
  • Absorção de choques e fricções;
  • Compensação de desalinhamentos;
  • Redução de vibrações;
  • Menor desgaste do acoplamento
  • Lubrificação por longo período
  • Economia de energia elétrica.

Além disso, aumenta a vida útil dos sistemas e evita paradas abruptas da operação. Portanto, a lubrificação exerce um papel importante para a confiabilidade do equipamento.

Quando a lubrificação do acoplamento é inadequada, as faces de metal entram em contato dando origem a minúsculas fissuras.

Tais fissuras, embora sejam invisíveis a olho nu, com o tempo se agravam e podem causar a quebra de dentes e maior desgaste entre nas partes móveis. Isso acarreta a paralisação do equipamento e a perda da produtividade.

Os acoplamentos são utilizados nos mais diversos setores da indústria, como da mineração, siderurgia, petróleo e gás, alimentícia, metalúrgica, entre outras.

As aplicações também são feitas nos mais diversos tipos de equipamentos, como agitadores, elevadores de carga, turbinas, bombas e transportadores.

Dessa forma, com os diversos tipos de usos, surge a necessidade de diferentes formas de lubrificação.

Não levar isso em conta pode acarretar sérios danos a curto prazo com os custos de manutenção corretiva, e a longo prazo com a perda de eficiência da operação.

Entretanto, nem todos os acoplamentos necessitam de lubrificação, porém quando o assunto são acoplamentos de grade e de engrenagem, a lubrificação é essencial para manutenção e para prolongar a vida útil do acoplamento.

Lubrificação de Acoplamentos

Os acoplamentos flexíveis do tipo de grade e de engrenagem com superfícies metálicas que deslizam e giram umas contra as outras exigem a presença de lubrificação para prevenir danos.

O lubrificante deve ser bastante viscoso para suportar as altas cargas induzidas em pequenas áreas de contato.

A graxa é geralmente o lubrificante escolhido, devido à facilidade de aplicação e capacidade de permanência dentro do conjunto.

A ação centrífuga do acoplamento em rotação, força a graxa para a parte interna da capa, onde a graxa pode entrar novamente em contato com as superfícies de engrenamento para formar uma película de óleo e prevenir o desgaste.

Agora, você vai conhecer a graxa ideal para esses acoplamentos

A LTG – Long Term Grease (Graxa de Longa Duração) é a graxa ideal para lubrificação de acoplamentos de grade e de engrenagem.

Lubrificação de Acoplamentos

Como o nome já diz, a graxa de longa duração (LTG) é uma graxa que dura por muito tempo e tem propriedades fundamentais para garantir a lubrificação correta e permanente do acoplamento.

A Graxa LTG amplia a vida útil do acoplamento, além de permitir um aumento significativo dos intervalos entre novas lubrificações.

As graxas comuns exigem uma lubrificação anual, porém, se for utilizada a graxa de longa duração (LTG), o intervalo de lubrificação pode ser estendido por até mais de cinco anos.

As altas forças centrífugas que ocorrem nos acoplamentos separam o óleo de base e o agente espessante que existem nas graxas de uso geral. Espessantes pesados, que não têm qualidades lubrificantes, acumulam nas engrenagens dos acoplamentos resultando em falha prematura do engrenamento.

A graxa de longa duração LTG é altamente recomendada devido às suas características superiores de lubrificação e às baixas propriedades centrífugas.

Ela é resistente à separação do óleo e do espessante e foi desenvolvida especificamente para acoplamentos.

A consistência da graxa LTG muda conforme as condições de operação.

A graxa LTG é fabricada com grau NLGI ½ (Instituto Nacional de Graxa Lubrificante).

 

E o que isso significa?

Significa que em condições reais de operação a graxa se torna semifluida, ao mesmo tempo em que perto das vedações se acomoda em um grau mais pesado, ajudando a evitar vazamentos.

A graxa LTG é altamente resistente à separação e mostra melhor desempenho do que os demais lubrificantes testados, o que permite que uma aplicação dure por longos períodos.

Além disso, a graxa LTG é aprovada pelo Serviço de Inspeção e Segurança Alimentar do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos para aplicações onde existe possibilidade de contato com produtos comestíveis.

Se você quer saber mais sobre a lubrificação de acoplamentos, entre em contato com a gente. Na TOP Componentes você encontra a Graxa LTG em Baldes de 1 e 16 kg e em Tambores de 54 e 180 kg.

Além disso, você terá todas as orientações para fazer uma excelente gestão de lubrificação. Tudo de acordo com as especificações dos seus equipamentos e orientações do fabricante da graxa LTG.

Com isso, você vai conquistar maior confiabilidade e segurança para os ativos de sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *